Livro - Harold G. Koenig - Medicina, Religião e Saúde - O Encontro da Ciência e da Espiritualidade
Download Capa e Contracapa - PDF - 2,51Mb
Lançamento da edição brasileira do livro do Dr. Harold Koenig

Se há alguns anos me tivessem dito que espiritualidade e religiosidade se tornariam objeto de pesquisa médica eu não teria acreditado. É claro que, há muito tempo, nós médicos ouvimos os conselhos de Platão sugerindo que aceitássemos a verdade de que corpo e alma são um só e não resolve tratar de um sem considerar o outro. Mesmo assim nosso cepticismo não tem limites, talvez pelo hábito de tratar doenças duras e amargas que não deixam margem a ilações abstratas. A doença é o inimigo mais concreto do médico. Mais feroz. As ferramentas disponíveis são limitadas em alguns casos. Muitas vezes temos que aceitar com humildade nossa incapacidade de curar. Porém, também lá da Grécia vem o segundo grande conselho, desta vez de Hipócrates: “O dever do médico é curar às vezes mas consolar sempre.” Quem imaginaria que no limiar do século XXI o ato de consolar se revelasse também um mecanismo de cura, uma ferramenta de combate à doença?

Comecemos por definir espiritualidade e religião. Já no primeiro capítulo deste livro Koenig dedica-se a elaborar as diferenças entre espiritualidade, que é “a relação pessoal com o transcendental”, com o divino, e religião que são os aspectos formais, rituais comunitários e institucionais da espiritualidade. É um bom começo. Porém o campo de estudo é vasto. Quem hoje descrê da influência da espiritualidade sobre o estado de ânimo do paciente está em pequena minoria. O próprio NHI (Instituto Nacional de Saúde) que coordena a pesquisa médica nos EUA, a partir do ano 2000 passou a financiar estudos nessa área do conhecimento por considerá-la importante.

Neste livro Koenig dedica-se a levantar a cortina sobre o encontro da ciência com espiritualidade. “Mais de mil estudos recentes examinam quantitativamente as relações entre religião, espiritualidade e saúde muitos deles relatando descobertas positivas.” São palavras do Dr. Koenig , que é seguramente a maior autoridade do mundo nesse ramo da ciência. Dr. Harold Koenig, um psiquiatra da Universidade de Duke na Carolina do Norte dedicou sua vida ao estudo destas relações. Publicou mais de 300 artigos científicos e 40 livros nessa caminhada.

Tornou-se indiscutivelmente o grande conhecedor deste tema na atualidade. Há pouco mais de uma década visitando minha filha que cursava o “College” na Duke University tive oportunidade de conhecer o Dr. Koenig. Convidou-me para passar um sábado na sua casa em Durham. Foi aí que tive a revelação do admirável mundo da pesquisa sobre espiritualidade e saúde. Depois de um tempo de maturação agreguei essa nova linha de investigação em meu serviço de Cardiologia do Hospital São Francisco da Santa Casa de Porto Alegre. Sempre sob orientação do Dr. Koenig. A tradução deste livro para o português é o atendimento ao desejo que mais pessoas tenham acesso a estas informações que, sem dúvida, serão importante foco de progresso do conhecimento humano deste século XXI.

Dr. Fernando Lucchese
Cirurgião Cardiovascular
Diretor do Hospital São Francisco
De Cardiologia da Santa Casa de Porto Alegre


Sobre o Autor:

Dr. Harold Koenig é diretor do “Centro para Teologia, Espiritualidade e Saúde” e Professor de Psiquiatria e Ciências do Comportamento da Duke University, nos EUA. Fez sua formação na Universidade de Stanford e após, graduou-se em medicina na Universidade da Califórnia em São Francisco.

Dr. Koenig publicou intensamente.Tem mais de 40 livros publicados, mais de 300 artigos científicos e 60 capítulos de livros.

Dr. Koenig é autoridade mundial no conhecimento da espiritualidade e sua influência sobre a saúde. Suas contribuições demostram cada vez mais o encontro da ciência com a espiritualidade.

Voltar Topo da página Imprimir página